sábado, 6 de outubro de 2007

AOS MEUS VERSOS

Aqui estou
de novo
reduzido
aos meus versos

não há ensaios nem palco nem adrenalina
já me desabituei a conversar com as mulheres
e os amigos, se existem, estão longe

sem ilusões
sem vaidades
sem nada de concreto
entregue
aos meus versos.

1 comentário:

hugo disse...

dá lhe pedro ribeiro!!!